Re: Esquema de ligação de recuperador de calor

Home Fórum Sistemas de recuperação de calor Esquema de ligação de recuperador de calor Re: Esquema de ligação de recuperador de calor

#288

Magalhães
Participante

Olá.

Sou picheleiro especializado em aquecimento em França, desde 1975.

Na minha carreira profissional, tenho visto, criado, modificado, desmontado e feito a manutenção de centenas de instalações de todos os tipos, em ferro negro, cobre, pexalu (multi-camadas), tubos per “ou seja pex” em Portugal.

Tenho experiência em todo o tipo de caldeiras, a gazole (fioul em França), a lenha (pelets) e mais recentemente também tenho tido recursos ao solar.

Estou em medida de atestar que o esquema acima apresentado não está nada otimizado no que diz respeito á duração do recuperador que é fabricado em ferro negro e pela mesmo ocasião, sensivél á corrosão.

Estou abismado, porque os construtores nem sequer preverão une válvula de mistura afim de evitar o ponto rosa no corpo do recuperador, por essa razão tenho visto nas minhas férias em Portugal, certos recuperadores recobertos de uma camada interior de num produto negro que se parece com alcatrão o que reduz a eficiência do recuperador.

Tenho visto assim como está no esquema, a ausência de válvula reguladora na ida para os radiadores, se o recuperador aquecer até 90C° encontra-se com essa temperatura nos radiadores, o que apresenta um risco elevado de queimaduras particularmente para crianças.

Nunca vi, mas já ouvi certos casos onde os recuperadores duram mesmo pouquinho tempo porque se furam devidamente (com o fenómeno de ferrugem) no sitio onde está mais exposto á temperatura.

Tenho também ouvisto casos onde a agua ferve dentro do recuperador, porque a pressão é insuficiente dentro do circuito, Os vasos de via aberta não são a melhor solução senão os fabricantes nunca os trocariam pelos vasos fechados, também tem acontecido o que a instalação rebente por falta de válvula de segurança.

Tenho na minha ideia à alguns anos atrás ter visto na cidade de Braga um muro que caiu do sexto andar, porque nesse mesmo local se encontrava um acumulador de grande capacidade sem nenhuma proteção, que acabou por rebentar sob e efeito da pressão, para informação dos leitores, este tipo de acontecimentos não existem em França.

As anomalias se contam ás dezenas nestes esquemas, e o mais lamentável é que os instaladores nem sequer procuram melhorar, estão a fazer mal mas continuam, pobre do consumidor final.

A bom entendedor